Categories
Turismo

Alugar carro para turismo em Lisboa: uma boa idéia?

Lisboa é um tema muito popular entre os leitores deste blog. A minha querida, charmosa, única Lisboa. Um dos assuntos mais questionados é o aluguel de um carro durante o turismo na cidade e nos arredores. Será que isso é uma boa idéia?

Torre de Belém, em Lisboa
Avenida Brasília. Aqui, estamos à beira do Rio Tejo (à direita). É a área, por exemplo, da Torre de Belém e do monumento Padrão dos Descobrimentos.

 

Alugar carro em Lisboa

Você não quer depender de ninguém. Procura distância de transporte público. Pensa em evitar gastos horripilantes com táxis. Deseja viver uma aventura dirigindo pelas ruas lisboetas. Oh, sim, alugar um carro parece uma ótima idéia para o turismo em Lisboa.

NÃO.

Note que usei maiúsculas e até itálico nesse “não”. E fui bonzinho ao adiantar o veredito, em vez de fazer mil considerações e segurar o suspense até o final.

 

Carro alugado em Lisboa é dor de cabeça

A tal independência e a aventura ao volante soam interessantes, mas trazem dores de cabeça ao turista.

Moro no Algarve, sul do país. Viajo a Lisboa a passeio umas cinco vezes por ano. Algumas vezes, vou de comboio (trem); em outras, de carro. Neste caso, você acha que eu uso meu carro para os passeios na cidade?

NÃO. (OK, deu vontade de usar novamente esse efeito dramático, com maiúsculas e itálico.)

Meu carro fica guardado, quietinho, na garagem do hotel. E não apenas em Lisboa, aliás. Para mim, isso vale em muitas outras cidades, como Londres, Paris, Madri, Roma.

Roteiro para Lisboa em apenas 1 dia
Praça do Comércio, em Lisboa.

Eu estou em turismo. Em viagem de lazer. Não quero preocupações com trânsito complicado, com mil consultas em GPS, com locais onde estacionar o veículo. Aliás, onde parar o carro é sempre o maior delírio.

Já fez as contas de quanto tempo você perderia com tudo isso? E não se esqueça de adicionar o estresse a essa soma.

A melhor escolha é usar o transporte público — táxi, inclusive.

Mas Glauco… Eu não quero gastar fortunas com táxi! E por acaso o transporte público coletivo é bom em Lisboa?

Eu gosto muito do transporte público coletivo de lá. É eficiente. Sempre usei sem problemas o autocarro (ônibus), o metro (metrô) — meu preferido, devido à rapidez — e o eléctrico (bonde).

Se você tiver a intenção de usar bastante esses transportes, compre o Lisboa Card. O cartão dá acesso livre a todos os eles, e inclui entrada livre ou com desconto em vários pontos turísticos importantes.

Mas esses transportes representam apenas uns 50% do meu deslocamento pela cidade. Eu aproveito muito, também, a rede de táxis.

Táxi em Lisboa é barato. Se você é um leitor brasileiro, esqueça agora o conceito de preços abusivos como no Brasil. Em Lisboa, podemos andar muito gastando uns 10 euros. Refiro-me a corridas que custariam uma fortuna no Brasil.

Agora pense. O táxi é barato e leva você direto ao ponto. Você paga e desce. Sem a preocupação de encontrar vaga onde estacionar. Esse sossego vale mais que muito dinheiro!

Aproveite essa oportunidade. Ainda mais agora, quando noto uma melhora nos serviços de táxi de Lisboa. Até pouco tempo atrás, eu via uns problemas muito incômodos. Coincidência ou não, depois da pressão da Uber o serviço regular de táxi melhorou.

Uber! Eu ia perguntar isso agora mesmo, Glauco.

Por enquanto, esqueça a Uber em Lisboa. Aliás, em Portugal.

Os taxistas portugueses conseguiram exercer uma pressão violenta contra a Uber. O assunto já envolveu Justiça, polícia e um caldeirão de discussões. A Uber está presente no país, mas não consegue trabalhar direito.

Roteiro para Lisboa em apenas 1 dia
Torre de Belém. À esquerda, o Rio Tejo.

 

Arredores de Lisboa

A maioria dos turistas quer conhecer os arredores de Lisboa. Os destinos mais comuns são Cascais, Sintra, Estoril e Tróia.

Ainda assim, considero interessante usar transporte público. Informe-se na recepção de seu hotel ou em uma unidade de apoio a turistas. Você pode, também, negociar com um taxista de Lisboa. Outra idéia é aderir a uma excursão rápida que leve um grupo em uma van ou autocarro.

Imagine uma viagem a Cascais usando um carro alugado. De Lisboa até lá são 25 minutos, mas você pode enfrentar trânsito complicado. Então, em Cascais, deve perder-se um tanto, além de ter enorme dificuldade para estacionar, principalmente se for verão.

Um leitor viu, aqui no blog, a recomendação do Restaurante Mar do Inferno, em Cascais. Como tinha um carro alugado, decidiu ir até lá a partir de Lisboa. Perdeu-se e chegou com muito atraso.

 

Guia privado

Que tal unir o útil ao agradável?

Se quiser contratar um guia privado, com carro próprio, para Lisboa e arredores, sugiro uma conversa com o Sr. Helder Lopes. Conheço os serviços dele, por isso recomendo com prazer aqui no blog.

 

Explorar o resto de Portugal

A idéia de explorar Portugal (não apenas Lisboa) de carro é interessante, e eu até incentivo. Muitos turistas fazem isso. Alugam um carro em Lisboa e vão a Porto, vão ao Alentejo, descem até o Algarve. As viagens são prazerosas, tranquilas, em autoestradas de boa qualidade.

Em locais que não sejam do tipo metrópole, até compensa usar o próprio carro o tempo todo. No Algarve eu acho viável — exceto no verão, quando aqui fica muito cheio de turistas e tudo lota.

Caso contrário, ao chegar ao destino, deixe o carro no hotel e explore a zona a pé e por transporte público.

E aqui vai uma dica extra. Se vier de carro ao Algarve, pense em reservar um dia para ir a Sevilha, Espanha. É fácil e rápido ir do Algarve a Sevilha. Dá para sair bem cedo e voltar à noite.

Eu amo Sevilha. Vou para lá todo ano. Já publiquei aqui um roteiro básico para a cidade.

Bons passeios! ️✈️

NOTA:
Procura hotéis em PORTUGAL? Aproveite a parceria deste blog com a Booking. Vantagens costumam aparecer nas reservas. Siga aqui para conferir. (Esse é um link afiliado. Há uma pequena comissão ao blog, e isso ajuda a cobrir altos custos com servidor de qualidade, segurança, tratamento de imagens, etc. É assim que eu NÃO coloco aqui aquelas publicidades irritantes que atrapalham o conteúdo dos artigos. Por uma internet mais limpa! Eu agradeço.)

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

4 comentários a “Alugar carro para turismo em Lisboa: uma boa idéia?”

Olá Glauco,
Vou para Lisboa em Setembro e gostaria de alugar um carro para ir até Servilha e conhecer os principais destinos do Sul de Portugal. Vi em alguns sites de aluguel de carro que pessoas com menos de 25 anos podem pagar uma taxa extra no aluguel, você conhece essa taxa? sabe como funciona? Obrigada

Oi, Caroline!

Essa taxa extra pode acontecer, sim. Pelos “riscos” que eles consideram, devido à idade da pessoa.

De qualquer maneira, para fazer esses passeios você precisa mesmo de carro. Não são áreas para abusar de transporte público. Andar pelo Algarve (sul de Portugal) exige carro. E chega-se rápido a Sevilha a partir daqui.

Meus cumprimentos.

Bom dia, Glauco. Gostei das suas dicas.
Ficarei cinco noites em Porto, três noites em Leiria e seis noites em Lisboa.
Irei com meu marido e minha mãe, de 75 anos.
Quando estivermos em Leiria, visitaremos Fátima, Alcobaça, Tomar, Batalha, Óbidos.
Nessa região, dá para se locomover com transporte público ou é mais viável alugar um carro por três dias?
Obrigada

Responder a Caroline Cancelar resposta