Categories
Turismo

Analise antes o banheiro de um restaurante, não a cozinha

Sou obcecado com limpeza e organização em restaurantes. Não como em qualquer lugar. Quando vou a um restaurante pela primeira vez, antes de pedir a comida eu analiso o ambiente.

Minhas experiências comprovam que o fato de um restaurante ser 5 estrelas não o torna isento de problemas. Já estive em restaurantes vistos como sofisticados nos quais eu reprovei a limpeza e a organização. E já estive em vários restaurantes 3 estrelas que eram um belíssimo exemplo nos bons cuidados.

Limpeza e organização em restaurantes

Muitas pessoas dizem que o ideal é analisar primeiro a cozinha quando se considera a limpeza de um restaurante. Eu tenho uma regra própria. Em primeiro lugar, analiso o banheiro. Aliás, é muito mais fácil e prático analisar o banheiro. Ele está sempre ali, à nossa disposição. Nem sempre a cozinha é visível aos clientes. Neste caso, pedir para visitá-la gera desconforto.

E por que o banheiro?

O estado do banheiro diz muito sobre o restaurante. O proprietário ou gerente que preocupa-se com isso costuma ser detalhista e caprichoso em todo o resto. Se, ao contrário, permite que os clientes entrem em um banheiro sujo ou fétido, eu posso imaginar como são a cozinha e o local onde armazenam os alimentos.

Quando entro em um restaurante pela primeira vez, eu ocupo uma mesa e analiso um pouco o ambiente. Em seguida, vou ao banheiro. Dependendo do que vejo, não peço prato nenhum.

Tomemos como exemplo o Restaurante Pôr-do-Sol, aqui no Algarve (Portugal). É um restaurante exemplar, em vários sentidos. O banheiro é tão limpo e cheiroso que parece nunca ser usado! Mesmo quando o restaurante está lotado e muitos clientes usam o banheiro, a limpeza é impressionante. O termômetro da minha confiança vai para o alto.

Como exemplo oposto, lembro-me de um restaurante em Brasília. Desta vez, prefiro não citar nome. O restaurante é considerado de alto nível e fica em um lugar nobre conhecido como Pontão. Eu fiquei chocado quando entrei no banheiro. Imediatamente, pensei: “Aqui eu não como!”. Por coincidência, logo depois de mim o gerente entrou lá. Eu fiquei observando… Achei lógico pensar que, preocupado, o gerente ia pedir que limpassem o banheiro. Sabe o que ele fez? Nada. Eu fui embora.

Portanto… ao entrar em um restaurante… vá ao banheiro!


Já que você se preocupa com limpeza, saiba qual é a área mais contaminada em um avião. Pensa que é o banheiro? Você vai se surpreender! Siga este link para encontrar a resposta.

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

2 replies on “Analise antes o banheiro de um restaurante, não a cozinha”

Finalmente encontrei alguém no planeta Terra que compartilha o mesmo pensamento! Banheiros sem trancas e sujos, papéis e sabonetes líquidos de péssima qualidade… enfim! Espelha perfeitamente o que o estabelecimento quer oferecer de melhor aos seus clientes. Parabéns pela matéria!

Deixe um comentário