Categories
Variedades

Casamento gay aumenta turismo na Argentina

A Argentina, tradicional destino no lucrativo turismo gay, já detecta aumentos nos lucros após a recente aprovação da união civil de pessoas do mesmo sexo.

[hana-code-insert name=’AdSense livre no post’ /]

As expectativas para os próximos anos animam ainda mais empresários argentinos do setor (e de outros países, é claro, porque vendem pacotes de viagem para lá). Além de atrair aqueles turistas simplesmente por se fixar como destino simpático a gays (o chamado gay friendly), o país deve receber muitos casais da América Latina em viagens especiais para casamentos.

Só nos 5 primeiros meses de 2010, a Argentina recebeu cerca de 1 milhão de estrangeiros, que gastaram mais de 1 bilhão de dólares por lá. Estima-se que quase 20% dos turistas sejam homossexuais. Estudos apontam que, geralmente, turistas gays gastam mais — e na Argentina mais ainda, devido às facilidades do câmbio (até para brasileiros, que, além disso, podem gastar sem a exploração dos impostos demoníacos praticados no Brasil em todos os setores). Natural, portanto, o otimismo de profissionais do setor. Eles preveem bons investimentos de agências de turismo para atender melhor o turismo gay. Em resumo: mais diversificação de negócios, mais lucros, mais empregos.

O turismo é uma das maiores indústrias do planeta, com lucros anuais fabulosos a países espertos que cuidam do setor (não incluo o Brasil nisso, devido aos altíssimos índices de criminalidade).

Para saber mais, clique aqui para ler matéria da agência EFE publicada no portal UOL.

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

2 comentários a “Casamento gay aumenta turismo na Argentina”

Deixe um comentário