Categories
Turismo

Jantar em navio no Cairo: boa idéia para quem não estará em cruzeiro no Nilo

Uma das coisas que eu mais repito sobre o turismo no Egito é: o cruzeiro no Nilo é a melhor parte da viagem.

O cruzeiro no Egito ocorre no sul do país, no eixo Luxor-Aswan – bem longe do Cairo. É uma incrível experiência, com a navegação pelo enigmático Nilo, os shows de danças e músicas típicas, as várias refeições, a piscina, o bar, etc. Mas o cruzeiro não é “apenas” viver essas experiências no navio. Há mais. É a fase de grandiosas visitas históricas em Luxor, Edfu, Kom Ombo, Aswan.

Turistas que não adicionam o cruzeiro aos planos de viagem encaram uma frustração. Como visitar o Egito sem uma experiência no Nilo?

Para essas pessoas, sugiro um jantar em navio no Rio Nilo, ainda NO CAIRO. E elas costumam gostar muito.

(Artigo continua após este recado.)
Turismo no Egito? Conheça o MEU EGITO. Eu mesmo, G. DAMAS, lá recomendo os melhores guias de turismo egípcios — aqueles em quem eu mais confio. É uma parceria oficial. Lembre-se: em um destino exótico e complexo como esse, a sua viagem está nas mãos dos guias. Por isso, tenha preocupação com qualidade. Para saber mais, siga depois AQUI.

O evento dura aproximadamente duas horas. Navega-se nas proximidades. Durante o jantar, há apresentações de danças e músicas típicas. Muito divertido, portanto. E, enfim, o turista vive uma experiência de navegação no Nilo.

Como reservar isso? Fale com o organizador de sua viagem. Ele deve preparar-se para levá-lo até o navio e depois buscá-lo. Geralmente, pagam-se no ato as despesas do jantar, como em um restaurante comum. Ou inclui-se a comida, mas com bebidas à parte.

Jantar em navio no Cairo
Jantar em navio no Cairo

Hum… Glauco, eu tenho cruzeiro no Nilo em meu roteiro. Mas deu uma vontade de estar em um jantar desses… Vale a pena?

Ora, por que não? Uma outra aventura no Rio Nilo nunca é demais!

Eu espero que você viva essa emoção. Com as bênçãos dos bons deuses egípcios, é claro.😉

Bom apetite… e boa diversão!

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

Deixe um comentário