Os serviços

Depois de saber o que é o Meu Egito e de conhecer alguns depoimentos de turistas, você quer informar-se sobre o que se oferece aqui. Falemos então sobre os roteiros personalizadosprivados e não privados.

Antes, a resposta a uma dúvida comum. Por que o nome “MEU EGITO”?

O Egito é um destino complexo, cheio de maravilhas que nos encantam. Para apaixonados por História, representa muitos momentos de deslumbramento. A ideia é que esses apaixonados tenham dias especiais no país. Que vivam dias pensados especialmente para eles, na companhia de alguns dos melhores guias de turismo egípcios.

Queremos que os turistas experimentem o Egito com um roteiro previamente discutido com eles. De acordo com interesses deles. De acordo com as possibilidades deles. Um roteiro que eles possam chamar de “MEU“. Por isso o nosso nome MEU EGITO. Essa é toda a filosofia por trás da parceria especial explicada neste site.

Enfim, nada é fechado, engessado, imposto.

Serviços do Meu Egito para turismo

Os roteiros

Roteiros personalizados não privados

É criado um roteiro especialmente para o cliente, de acordo com as ideias traçadas acima.

Durante toda a viagem ou em parte (ou partes) dela, é possível que o cliente esteja com outros clientes. Neste caso, grupo pequeno ou mesmo muito pequeno, para manter a qualidade dos passeios.

Roteiros personalizados privados

Tudo funciona do mesmo jeito. A única diferença é que não haverá mais nenhum turista com o cliente durante os passeios. Só os guias. Isso significa atenção total ao cliente. Foco. O cliente é o faraó do momento. 😉

Isso naturalmente traz preços diferenciados, mas um roteiro personalizado privado não significa necessariamente luxo. Por exemplo, fica à escolha do cliente a qualidade do hotel e do navio de cruzeiro. Com o personalizado privado, pessoas vivem uma viagem no Egito ficando em um hotel mediano ou em um super 5 estrelas. De modo geral, notamos que os turistas são pessoas mais preocupadas com a qualidade de guias e de passeios, não com luxo em hotéis e cruzeiros.

Tumba no Vale dos Reis.
Tumba no Vale dos Reis.

Guias

Os guias egípcios conectados ao Meu Egito têm qualidade diferenciada e ampla experiência. Costumam ser muito elogiados.

Alguns guias falam português, e essa é sempre a prioridade para entregar aos clientes. Mas, em alguns períodos, pode ser necessário estar com um guia a falar em espanhol, ou o popular “portunhol”. Observamos que isso não costuma atrapalhar a viagem. Sinceramente, não chegam reclamações.

Transparência

Transparência é a filosofia. Procura-se sinceridade total com os clientes, para que sintam a possibilidade de confiar na assessoria pré-viagem.

Por exemplo, é comum as pessoas dizerem que pensam em um roteiro X para uma viagem de 15 dias, e os guias do Meu Egito responderem que nesse caso o roteiro poderá ser bem feito em uns 10 dias (não precisa chegar a 15). Outro caso comum: a pessoa querer incrementar a viagem com uns dias em Sharm el-Sheikh ou Hurghada, destinos ligados a mar, praia, mergulho. Mas, sem saber, a pessoa escolheu um período ruim para isso (inverno?), então recomenda-se que limite a viagem à parte histórica tradicional.

Mesmo quando perde-se com um roteiro que teria ficado maior e mais caro, fala-se a verdade. Há perda no lado financeiro, mas um ganho em dobro na credibilidade.

O que não é oferecido

Os guias do Meu Egito podem cuidar de toda a sua vida no Egito. Se não forem os melhores nisso, certamente serão alguns dos melhores. Mas há duas exceções com as quais não ocorre envolvimento nenhum: passagens aéreas internacionais e seguros de viagem. (Não confundir as passagens aéreas. Falamos aqui de passagens internacionais. O time Meu Egito pode e até deve cuidar de passagens para os voos domésticos no Egito.)

Preparado para realizar seu sonho faraônico? Entre em contato. Ihab Hamdy ou Hadi Salah deverá responder para você. Guias campeões no Egito, “faraós dos tempos modernos”.

Meu Egito - viagem ao Egito.