Pagamento de sua viagem

Decidiu viajar pelas mãos do time Meu Egito? Ótimo. Agradecemos pelo prestígio, pela credibilidade que nos dá.

Para avançarmos com o seu processo, precisamos agora tratar do pagamento da entrada. Usamos esse valor para cuidar, desde já, de suas reservas — hotel (ou hotéis), navio, vôos domésticos, guias, motoristas dos veículos que estarão à sua disposição.

Explicamos abaixo o processo. No final deste artigo, você encontra um vídeo sobre o mesmo assunto.

Encontra também uma explicação sobre a necessidade de adotarmos a forma de pagamento explicada aqui (em vez de cartão de crédito, PayPal, transferência bancária internacional).

Mais tarde, não se esqueça de ver alguns vídeos com depoimentos de clientes sobre nós.

Pagamento da entrada

Valor

Por padrão, pedimos de entrada 30% do valor total. Em alguns casos, pode ser de 25% ou 20%.

E o restante do pagamento? Por enquanto, não se fala nisso. O restante será pago, em dinheiro mesmo, diretamente ao guia, apenas quando você chegar ao Cairo. Não importa se a sua viagem será daqui a um mês ou daqui a mais de um ano. O restante será pago lá no país.

Como pagar a entrada? Aqui está:

Western Union

Nossa primeira eleição para o pagamento é a Western Union. Apreciamos a credibilidade mundial que essa empresa usufrui há décadas. Nunca tivemos problemas com eles.

Processo on-line

A grande dica, para lidar com a Western Union, é começar on-line o processo da transferência de dinheiro. Dessa forma, a taxa que eles cobram será mínima.

Se você é um cliente nosso que mora no Brasil, siga aqui para visitar a página deles. Se você é de Portugal, vá por aqui.

.

O beneficiário

Você receberá informações sobre um de nossos guias (nome e país).

A transferência pela Western Union é muito simples. Não espere aquelas complicações de uma transferência bancária internacional, por exemplo. Você não precisa nem mesmo de um número de conta bancária para crédito. Tudo o que deve informar à Western Union são o NOME COMPLETO e o PAÍS do beneficiário. Só isso.

Ao criar a operação, confira o nome do beneficiário. Tem de ser nome COMPLETO (repetimos isso) e NÃO PODE HAVER ERRO no nome.

.

A entrega do dinheiro

OK. Foi tudo rápido até aqui. Você criou on-line a transação. Já informou quem é o beneficiário. Falta apenas entregar o dinheiro — fazer o pagamento, enfim.

Mais uma dica para você. Não é obrigatório localizar uma agência própria da Western Union para fazer o pagamento. Há bancos conveniados para facilitar a sua vida.

Como descobrir o local mais próximo de você? O web site da Western Union resolve isso. Basta inserir a sua localização e ele apontará os locais mais próximos. Para brasileiros, a ferramenta de localização está aqui. Para portugueses, aqui.

Há uma possibilidade ainda melhor. Você pode fazer o pagamento à Western Union, sem sair de casa, por meio de uma transferência bancária – uma TED. On-line, prático, seguro. Durante o processo, a Western Union informará os dados para você fazer essa transferência.

Código do pagamento

Ao efetivar o pagamento, a Western Union lhe dará um código numérico MTCN. Você deverá passar para nós esse código.

Para levantar o dinheiro, o credor apresentará a identidade dele e o tal código.

Dólares

Nós entregamos um plano de viagem com valor em dólares norte-americanos. E você deve fazer em dólares o envio pela Western Union. Paga o correspondente em reais (Brasil) ou em euros (Portugal), fazendo na hora o câmbio para dólares.

Recibo

Seu documento Western Union já será um comprovante.

Cartão de crédito, PayPal, transferência bancária internacional

Está a pensar também em cartão de crédito, PayPal ou transferência bancária internacional como meio de pagamento da entrada? Nós também pensamos.

O problema é que essas opções nos dão perdas que chegam a absurdos 9% ou 10%. Além de tarifas, comissões, lucros em cima de câmbio que fazem contra nós, temos de lidar com dois países extremamente burocráticos e complicados nesse processo (sempre prontos a dificultar tudo): Brasil e Egito.

Não podemos ser competitivos assim. Nós lidamos com roteiros personalizados privados. É um meio de viajar ao Egito com mais qualidade, e por isso mesmo os preços são diferenciados. Complicaria se aceitássemos absorver algo que aumentasse os preços, punindo nossos clientes. Precisamos, então, adotar alternativas como a Western Union. Acreditamos que isso seja para benefício dos próprios clientes.

Tudo isso justifica também por que falamos de pagamento em dinheiro, já no Egito, para quitar o restante do pacote.

Vídeo