Categories
Turismo

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin’s Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

A Ratoeira,
de Agatha Christie

Tudo começou em 1947, com uma curta história de mistério transmitida via rádio, em homenagem à Rainha Maria. O título era Three Blind Mice (Três Ratos Cegos). A história deu origem a um conto, que em seguida foi adaptado pela própria Agatha Christie para os palcos.

A peça A Ratoeira (The Mousetrap) estreou em Londres em 1952. Passou por alguns teatros até chegar ao famoso Ambassadors Theatre, onde ficou até 1974, dois anos antes de Agatha morrer. O próximo destino foi o St. Martin’s Theatre, também em West End, onde encontra-se até hoje.

.

Sucesso insuperável

Note a data em vermelho. 1952. Desde então, a peça nunca saiu de cartaz. Por isso, brilha no Guinness Book, o Livro dos Recordes, como a peça de teatro em cartaz há mais tempo no mundo, ininterruptamente. Tornou-se um ícone da cultura de Londres.

Curiosamente, Agatha Christie nunca imaginou um sucesso estrondoso para a peça. Em uma conversa com o produtor Peter Saunders, previu 8 meses de vida para a história nos palcos. Para sustentar o mistério, os atores, no fim de cada sessão, pedem segredo ao público sobre a identidade do assassino.

Cartaz na fachada do teatro.
Cartaz na fachada do teatro.

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)Nas comemorações do 60º aniversário da peça, em 2012, calculou-se um total de 403 atores no palco, trocados ao longo dos anos. Um dos atores foi Richard Attenborough (foto), hoje mais conhecido pelo público mais jovem como Mr. Hammond no filme Jurassic Park.

Pela atuação de Agatha na dramaturgia, e por ser ela a mente por trás de A Ratoeira, o Memorial Agatha Christie, erguido em Londres há pouco tempo, pode ser visto em Covent Garden, tradicional área de casas de teatro onde encontra-se em cartaz a peça. Eu já mostrei em detalhes esse Memorial aqui no blog.

.

St. Martin’s Theatre

A bela fachada do St. Martin’s Theatre fica ainda mais imponente com os anúncios do sucesso de Agatha Christie. Mesmo que você não esteja em Londres para assistir à peça, compensa passar ali simplesmente para ver o prédio. Muitos turistas fazem isso.

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Aproveite para ver estes outros detalhes na fachada:

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Se o teatro estiver aberto, cruze a porta e conheça o saguão. Há coisas muito interessantes para ver lá dentro. Por exemplo, um contador de sessões. No dia de minha visita, o contador indicava que naquela noite haveria a sessão número 26.171!

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

.

Onde fica o teatro

A maneira mais fácil de indicar a localização do St. Martin’s Theatre é usar o Google Mapas. Siga este link para encontrá-lo.

Seta VERDE: St. Martin's Theatre. VERMELHA: Memorial Agatha Christie. AZUL: a estação Leicester Square, de onde saí do Underground para chegar ao teatro. A pé, da estação ao teatro, há uma caminhada de apenas uns 4 minutos. Mas não deixe de visitar o Memorial. Eu já o mostrei em detalhes aqui no blog.
Seta VERDE: St. Martin’s Theatre. VERMELHA: Memorial Agatha Christie. AZUL: a estação Leicester Square, de onde saí do Underground para chegar ao teatro. A pé, da estação ao teatro, há uma caminhada de apenas uns 4 minutos. Mas não deixe de visitar o Memorial. Eu já o mostrei em detalhes aqui no blog.

.

Compras de ingressos

Se quiser assistir à peça, você pode comprar ingressos lá mesmo no teatro. Mas por que arriscar com sessão esgotada? O ideal é comprar antes da viagem, pela internet.

Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin's Theatre (Londres)

Siga este link para ir direto à compra de ingressos no web site oficial da peça. Se um dia o link falhar, tente este e procure pela seção “Tickets”.

Há sessão todos os dias, às 19h30. Às terças-feiras, há também às 15h, e aos sábados, às 16h.

Neste momento, os valores vão de 17,50£ a 65£.

⇒ NÃO CUSTA LEMBRAR: a peça é falada, obviamente, em inglês.

.

Vídeo promocional

A produção da peça colocou no YouTube um vídeo promocional. Vale a pena assistir:

 

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

3 replies on “Peça A RATOEIRA, de Agatha Christie, no St. Martin’s Theatre (Londres)”

Onde posso adquirir em Portugal, a peça teatral “a Ratoeira” baseada na obra homónima de Agatha Christie, que vi há anos representada no Teatro Sá da Bandeira, no Porto, por uma companhia de teatro portuguesa, de cujo nome agora não me ocorre?

Deixe um comentário