Categories
Curiosidades

Por que os aviões reduzem as luzes durante a aterragem?

Aterragem de avião

Qual o real motivo de o piloto reduzir as luzes da cabine durante a aterrissagem do avião? Eu sempre fico curioso… e acho até meio sinistro! Isso faz surgir outra dúvida. Muitas vezes, pede-se que passageiros sentados à janela deixem aberta a proteção contra luminosidade. Por quê?

Em primeiro lugar, o mais correto é dizer “aterragem”. Aliás, é assim que se diz em Portugal.

Quanto às luzes, quase todo mundo cita principalmente estes dois motivos:

  • Reduzir a energia consumida. A aeronave precisa de mais energia nas turbinas e nos comandos gerais para lidar com a aterragem.
  • Chamar a atenção de todos os passageiros, que precisam acertar a posição dos bancos, guardar livros e fones de ouvido, etc.

O desligar das luzes faz parte de um conjunto de medidas de segurança. Mas o principal motivo é outro.

A idéia é fazer os olhos das pessoas ajustarem-se mais facilmente à escuridão. Se houver um problema e elas precisarem usar a saída de emergência, já estarão com a visão mais adaptada à falta de luz. Lembre-se: as pessoas estão em um ambiente com o qual têm pouca intimidade e que está cheio de obstáculos. Imagine o pânico quando, durante falta de luz, pede-se que elas saiam às pressas da aeronave.

Isso traz a resposta à outra questão: pedir que o passageiro sentado à janela mantenha erguida a tela de cobertura.

Pense em um problema de aterragem à noite. Em caso de falta de luz na cabine, alguma luz exterior pode ser fonte – mesmo que escassa – de iluminação para o interior.

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

Deixe um comentário