Categories
Turismo

Restaurante em Lagos (Algarve, Portugal): conheça o D. Henrique

Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal

Algarve, Sul de Portugal, é uma das regiões favoritas dos europeus para férias. Eu não me canso de divulgar o local. Uma das cidades mais populares é Lagos. Animada, histórica, bem cuidada, possui um Centro Histórico lotado de bares e restaurantes. Na primavera e no verão, principalmente, o local ferve de turistas. Se você está interessado em passar uns dias por ali e começa a pesquisar bons restaurantes, o Viagem Fantástica tem uma dica especial. (Quer conhecer um pouco do Algarve? Assista depois a um vídeo muito emocionante sobre a região.)

.

Restaurante em Lagos

D. Henrique

Moro no Algarve, e perto de Lagos, por isso vou à cidade várias vezes por ano para passear. Um de meus restaurantes favoritos ali é o Restaurante D. Henrique.

Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal
Rua histórica em frente do restaurante. O D. Henrique está à minha esquerda, fora do campo de visão nesta foto.

O Restaurante D. Henrique funciona em uma construção histórica, por isso a parte externa é preservada. No interior, há toques de requinte, com duas salas para refeições, um bar e uma área a céu aberto no piso superior.

Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal
Sala para refeições no piso inferior
Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal
Sala para refeições no piso superior
Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal
Bar, no piso superior
Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal
Área externa, no piso superior. Local agradável no verão. Mas o maior charme do restaurante está nas salas fechadas para refeições.

Encontramos ali tudo o que um restaurante deve oferecer: boa comida, bebidas de qualidade, atendimento simpático e limpeza. O restaurante, por tudo isso, foi recomendado pelo Guia Michelin.

Há ótimas opções com carnes vermelhas. Evidentemente, não ficam de fora os caprichos com pratos feitos com a maior tradição do Algarve: peixes e frutos do mar.

Uma das coisas que mais me agradam é a maior preocupação com vegetarianos. Eu sempre reclamo que os vegetarianos costumam ser esquecidos nos restaurantes de Portugal. Os restaurantes ou não oferecem nada vegetariano, simplesmente, ou não saem do básico e ridículo, como um mísero espaguete ou lasanha sem carne. No Restaurante D. Henrique, as opções são limitadas para esse público especial, mas eles vão além, usam criatividade nos pratos.

Para melhorar, os preços são convidativos, sem nenhum abuso. Pelo prato vegetariano, paguei pouco mais de 14€. Um belo prato com filé (carne vermelha) saiu por menos de 18€. Um lombo de bacalhau, 15€. Se quiser gastar um pouco mais, considere uma garrafa de Moët & Chandon. Pagamos 54€. (Mas fique de olho nos incomparáveis vinhos portugueses!) São valores bem inferiores aos de um bom restaurante no Brasil.

Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal

Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal

Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal
Meu prato vegetariano
Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal
Parte da carta. Você pode tocar nesta foto para vê-la ampliada em outra janela do navegador.

Restaurante D. Henrique, em Lagos, Algarve, Portugal

.

Contato e reserva

Na primavera e, principalmente, no verão, é importante reservar mesa. Entre em contato com o restaurante:

Telefone: +351 282 763 563

E-mail: dhenrique@grupoadm.pt

.

Onde fica

O endereço do Restaurante D. Henrique é Rua 25 de Abril, 75.

Para localizar direto no Google Mapas, siga este link.

NOTA:
Procura hotéis em PORTUGAL? Aproveite a parceria deste blog com a Booking. Vantagens costumam aparecer nas reservas. Siga aqui para conferir. (Esse é um link afiliado. Há uma pequena comissão ao blog, e isso ajuda a cobrir altos custos com servidor de qualidade, segurança, tratamento de imagens, etc. É assim que eu NÃO coloco aqui aquelas publicidades irritantes que atrapalham o conteúdo dos artigos. Por uma internet mais limpa! Eu agradeço.)

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

Deixe um comentário