Categories
Turismo

Restaurante de Jamie Oliver no Aeroporto Gatwick (Inglaterra)

Voltei a Londres há pouco tempo para mais uns passeios. Um dos objetivos em meu roteiro era comer, pela primeira vez, em algum restaurante do chef Jamie Oliver.

Como eu viajo independente e sou muito explorador, descobri outras coisas interessantes que mudaram o meu foco naquela viagem. Com isso, a idéia do restaurante ficou pra trás.

Na volta para casa, uma surpresa. Eu ia pegar um vôo a Portugal no Aeroporto Gatwick, próximo a Londres. Lá dentro, descobri um restaurante da rede de Oliver. Comemorei. Eu estava mesmo com fome. Que tal experimentar uma cozinha coordenada pelo consagrado chef? Havia tempo suficiente antes que meu vôo partisse.

Restaurante de Jamie Oliver no Aeroporto Gatwick (Inglaterra)
Londres e o Aeroporto Gatwick.
Restaurante de Jamie Oliver no Aeroporto Gatwick (Inglaterra)
A posição do restaurante dentro do aeroporto.
Restaurante de Jamie Oliver no Aeroporto Gatwick (Inglaterra)
Mais de perto, para você ter melhor noção do ponto.

A decoração do restaurante é simples, mas cativante. Atendentes receberam-me bem. Com a carta em mãos, notei que os preços eram “normais”, sem abusos pelo fato de o local estar ligado ao nome Oliver. Até aqui, tudo correu bem.

Restaurante de Jamie Oliver, Gatwick, Inglaterra

Eu estava com minha irmã. Ela pediu caneloni recheado com ricota e abóbora, e eu, pizza, minha comida favorita.

O prato dela estava simplesmente “normal”. Razoável. Qualidade vista em qualquer restaurante de médio padrão. Isso já foi um espanto. Choque, mesmo, foi ver a minha pizza. Seria elogio chamar aquilo de LIXO. Acredite ou não, foi a pior pizza que eu comi em toda a minha vida.

Restaurante de Jamie Oliver, Gatwick, Inglaterra

O europeu (com exceção do francês) não sabe fazer pizza como o brasileiro. Eu nunca espero uma pizza com a mesma qualidade, por isso baixo o meu padrão de expectativa. Mas aquela pizza fez meu sangue ferver.

A pizza já estava pronta. “Seca”, cara de velha, ingredientes de baixa qualidade. Cadê o discurso de Oliver sobre comida fresca, feita com os melhores ingredientes? Isso vale só para os programas na TV? Além disso, o recheio era pobre. O pior de tudo era a massa. Acredite: massa tão DURA que eu tive vontade de pedir um martelo. Comi com dificuldade.

Restaurante de Jamie Oliver, Gatwick, Inglaterra

Tenho dois arrependimentos. Primeiro, ter entrado lá. Segundo, ter ficado quieto sobre meu prato. Eu devia ter recusado!

Fica uma dúvida no ar. Como são os outros restaurantes de Oliver? Ele é consagrado. Já foi eleito para cozinhar um banquete para a Rainha. Não é possível que a rede de restaurantes dele seja ruim. Será que eu tive azar e peguei um dia caótico lá dentro? [ATUALIZAÇÃO — A imprensa divulgou que autoridades sanitárias da Inglaterra reprovaram um “açougue de luxo” de Oliver em Londres. Leia depois aqui.]

Restaurantes em aeroportos não costumam ter grande qualidade. Mas há um nome por trás daquele restaurante, por isso esperamos que a qualidade esteja à altura.

Restaurante de Jamie Oliver
Oliver critica cozinhas. Mas o dedo para baixo agora vai para ele.

.

INFORMAÇÕES

Web site do restaurante:

http://www.jamieoliver.com/italian/restaurants/gatwick

Veja o Aeroporto Gatwick direto no Google Mapas

Veja, no Google Mapas, a posição do restaurante dentro do aeroporto

Detalhe da carta/menu:

Restaurante de Jamie Oliver, Gatwick, Inglaterra
Você pode tocar na imagem para vê-la maior.

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

10 comentários a “Restaurante de Jamie Oliver no Aeroporto Gatwick (Inglaterra)”

“O europeu (com exceção do francês) não sabe fazer pizza como o brasileiro” e eu que pensava que a pizza era italiana. Aliás nada bate uma pizza italiana, principalmente em Nápoles terra da pizza. E eu sei do que falo vivi três anos em Itália.

Oi, Nídia!

Então eu nunca tive sorte… As piores pizzas que eu comi foram justamente… na Itália. Até agora, só na França (a considerar a Europa) eu conseguia pizzas realmente boas. Para ser exacto, em Paris.

Mas ainda penso que a melhor pizza que se come no mundo é a de São Paulo. 🙂

Bem… pessoas têm gostos distintos, e isso ajuda a fazer de nós uns seres interessantes. 😉

Comprei recentemente dois livros de culinária de autoria dele. A “Itália de Jamie” e “15 minutos e pronto”. Gostei muito dos dois livros e consegui preparar boas refeições com ambos. O cozinheiro dele é que deve ter sido preguiçoso e não leu os livros direito. 🙂

ahahahah Boa, Rodrigo!

Os livros dele são mesmo bons.

Eu acho que, por envolver o nome OLIVER, ele deveria estar mais atento à rede.

Deixe um comentário