Categories
Turismo

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito


Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito
Observe a altura dos penhascos lá no fundo. Compare com a dimensão das pessoas na rampa.

Templo de Hatshepsut é um dos pontos mais fortes do turismo no Egito. Está em praticamente todos os roteiros de viagem, por isso é comum eu receber perguntas sobre ele. Chegou o momento de escrever sobre esse local tão impressionante e enigmático.

Como é a visita? Quanto custa? Quais cuidados você deve tomar?

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito
Esta foto: Wikipédia – Ian Lloyd

.

Hatshepsut

Hatshepsut foi a mulher a governar o Egito por mais tempo. Reinou durante 20 anos, no século 14 a.C.

Conquistou fama como um dos faraós mais bem sucedidos. Seu reinado foi pacífico e próspero, e envolveu a construção de muitos templos e monumentos.

Um dos detalhes mais curiosos em sua história é o fato de ela ter sido representada com corpo masculino e uma barba falsa. Isso não foi um meio de fazer as pessoas pensarem que ela fosse homem. Na verdade, por não haver imagens nem palavras para representar uma mulher com tal status, esse foi um meio de ressaltar a sua autoridade.

Sua morte é um mistério. Cientistas têm considerado a idéia de uma intoxicação acidental por meio de um tipo de pomada usada para aliviar uma doença genética crônica na pele. Testes em artefatos descobertos perto de sua tumba revelaram vestígios de susbtâncias altamente cancerígenas.

Para saber mais (em inglês) sobre ela, siga este link.

Dr. Zahi Hawass observa a múmia de Hatshepsut no Museu do Cairo.

.

O Templo de Hatshepsut

O nome completo é Templo Mortuário de Hatshepsut. Também pode ser chamado de Templo de Deir el-Bahari.

A grandiosa obra foi construída justamente para a Rainha Hatshepsut, da 18ª Dinastia, em homenagem a suas conquistas e para servir mais tarde como seu templo funerário. Além disso, era dedicada ao deus-sol Amon-Ra.

A arquitetura foge do padrão da época. A decoração, no período áureo do templo, incluía jardins. Imagine a beleza!

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito

No lado norte da segunda colunata, uma cena representa o nascimento divino de Hatshepsut. Isso está ali porque, para legitimar seu reinado, ela alegou ser filha divina de Amon-Rá.

Hoje, notamos que o Templo lembra os sérios conflitos entre Hatshepsut e seu sobrinho, Tuthmosis III. Depois da misteriosa morte da rainha, várias de suas estátuas foram destruídas, e seguidores de Tuthmosis III danificaram a maior parte dos cartuchos dela. (Os velhos problemas familiares!…)

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito

.

A visita

Primeiro, nós respiramos fundo. Precisamos nos recuperar do impacto de ver uma obra tão grandiosa. É quando fazemos a clássica pergunta no Egito:

Mas coooooomo eles fizeram ISSO naquela época???

Depois, subimos a rampa.

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito
Visão oposta, depois de subirmos a rampa.

Finalmente lá em cima, chegamos à área com um tipo de capela e um santuário.

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito
Fazendo papel de bobo! 😛

Vamos atravessar essa passagem da foto acima para ver o que há ali?

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito

.

Onde fica

O Templo de Hatshepsut fica em Deir el-Bahari, na margem oeste do Nilo. Está perto do incrível Vale dos Reis (onde visitamos a tumba de Tutancâmon, por exemplo). Para localizar direto no Google Mapas, siga este link.

Não vá até ali sem um guia de turismo. Aliás, não visite nenhuma parte do Egito sem um guia. Eles são indispensáveis. O Viagem Fantástica já recomenda três guias: Ihab, Hadi e Usama.

.

O preço da visita

O ingresso custa 30 libras egípcias. Estudantes podem pagar metade.

Lembre-se: esses valores são baixos. A libra egípcia tem um câmbio muito desfavorável. Já expliquei isso em um artigo sobre câmbio e gastos no Egito.

.

Cuidados

Há importantes observações a serem feitas sobre essa visita.

.

Clima

Preciso dizer que o calor ali é escaldante? No verão, o sol torna-se até uma ameaça.

Use chapéu, óculos de sol e protetor solar. E não se esqueça de levar água.

.

Guardas

No dia de minha visita, pelo menos, os guardas não estavam muito atentos. Alguns se distraíam com turistas, que pediam para tirar fotos com eles. Um guarda não devia aceitar isso. Mas eles estavam de olho em receber baksheesh (gorjeta).

Seja educado e prudente. Não fale com eles para pedir fotos.

.

Terrorismo

O Templo de Hatshepsut infelizmente já foi cenário de um terrível ataque terrorista. Aconteceu em 1997, com a morte de 62 pessoas, a maioria turistas.

Desde então, a situação está tranquila por lá. Mas não custa prestar atenção — mais uma razão para os guardas não se distraírem com nada!

Visite o Templo de Hatshepsut, no Egito
Onde está a árvore? 😛

Boa viagem! Que você possa viver no Egito as mesmas emoções intensas que eu vivi! Como eu sempre digo, o Egito foi A viagem da minha vida!

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

Deixe um comentário