Categories
Turismo

Turistas não podem mais fazer pagamentos eletrônicos no Vaticano

Itália
Neste dia, a fila era para visitar o túmulo do Papa João Paulo II.

Turista com viagem marcada ao Vaticano, prepare-se para levar dinheiro em notas no bolso. Visitantes não podem mais usar cartões (débito ou crédito) para pagamentos em museus, lojas e outros serviços.

Leve uma boa quantidade em notas de euro (estará sozinho? acompanhado?), porque os preços por lá não são nada angelicais. Ao fazer os cálculos, não se esqueça de um valor reservado a bebidas e talvez a um lanche. A visita é demorada; é natural que os visitantes sintam fome e sede.

O Banco Central italiano retirou do Deutsche Bank Italia a autorização para administrar os pagamentos eletrônicos. Motivo: falhas do Vaticano no combate à lavagem de dinheiro, após um incumprimento de regras da União Europeia.

Só os museus do Vaticano recebem, em média, 5 milhões de visitantes por ano. Haja notas para o Vaticano carregar e guardar…

~~~~~

Leia também: Visita ao Vaticano.

By GLAUCO DAMAS

Moro em Portugal. Atuo como autor desde 2001. Publiquei livros infanto-juvenis, inclusive pela Editora Saraiva. Em 2013, surgiram o primeiro livro técnico e o primeiro guia de viagem.

Deixe um comentário